Exemplo

experiência

Com seu exemplo de vida e conduta, você prega um melhor sermão do que com suas palavras.

(Oliver Goldsmith, médico e escritor irlandês, 1728-1774 - extraída do livro Pequeno Manual de Inteligência Emocional – Frases que podem mudar um destino – José Ronaldo Peyroton, Organizador, Editora United Press Ltda, 1998, pg 9).

Relevância

Isso de fato é relevante.

A gente fala mais sem falar do que falando.

Conhecemos muitos que sobem nos palcos e púlpitos da vida e falam do que não sabem, não experimentaram, só teorias, algumas as mais estapafúrdias que se tem notícia.

Mas nosso foco é sempre naqueles que sem falar mostram caminhos gigantescos, de experiências incríveis do ser e do viver.

Preste mais atenção nestes do que naqueles.

Conduta

A princípio essa história de exemplo de vida e conduta parece ser um negócio meio chato, massante. E de fato muita gente acha que rigidez, inflexibilidade total, não abertura para o novo de forma alguma é o fator de sucesso de um bom exemplo de vida.

Precisamos tomar muito cuidado.

Não é a tarefa mais fácil da vida manter uma coerência total dos nossos atos em relação ao que pensamos e consideramos a respeito de muitas coisas.

Às vezes até a gente se assusta com nossos próprios atos, revelando o fato de que ninguém, nenhum de nós conhece tudo, especialmente sobre si mesmo.

Nos parece então que a flexibilidade e abertura em aceitar os próprios erros, admitir esses erros, e corrigir os rumos e consertar o que deu errado e seus efeitos, é um ensinamento, um “sermão” mais efetivo e relevante do que até mesmo nossos pensamentos e convicções.

Sermão

Essa palavra sempre nos remete a padres, pastores, pais e professores que quase sempre assumem a posição de nos transmitir um palavrório sem fim, na maioria das vezes vazio de conteúdo prático e efetivo.

Colocam-se em posição de “autoridade” e daí pra frente...

Não se trata de uma revolta, ou de um pensamento anarquista (embora sejamos simpatizantes de elementos anárquicos). A questão é que as pessoas que mais nos impressionam na vida não são as que falam sem parar, a partir desse pedestal aí de cima, mas sim as pessoas que nos contam da vida, de como enfrentaram as dúvidas, as dificuldades, as duras realidades existenciais....essas sim nos dão verdadeiros “sermões”, dos quais muitas vezes jamais esquecemos.

Sermão também tem a conotação de bronca, palavra dura, advertência, quando na verdade os que fazem real efeito na vida são aqueles que vem com mansidão, com beleza, cheios de realidades práticas, de dia a dia, de vida, de verdade.

Palavras

Na verdade palavras sem vida não falam nada. Só fazem barulho. Provocam antipatia, repulsa.

Palavras não resolvem situações de vida.

Apesar disso são necessárias, pois muitas vezes são o único jeito de se comunicar uma experiência. Veja só um livro, por exemplo. Cheio de palavras. E quando o danado é bom, você fica ali, grudado, ansioso para chegar a um fim, um ponto onde a mensagem, o “sermão” faz sentido e fala com a gente.

Concluindo

Então é melhor a gente ficar calado quando não tem história de vida pra contar diante de alguma situação.

É melhor apenas ficar junto de alguém que precisa, sem falar, do que virar um chato de galocha, um grilo falante pronto a levar um tabefe de quem já deve estar pelas tampas com tanta prosa.

Por falar nisso, chega de falar.

Viva mais e fale menos!

exemplo pai filho

Além disso quando você se cadastrar abaixo, terá acesso a livros digitais também gratuitos.

Receba nossa correspondência com as novidades da nossa blogosfera. São muitas alternativas para todos os gostos.

Alimentação Saudável

Emagrecer Consciente

Corpo Modelado

Posicionamento Profissional

Desenvolvimento Pessoal

Dinheiro, Investimentos e Finanças

Espiritualidade

Arte

Crônicas da Vida

Rupturas da Vida

Verifique essas alternativas todas conforme seu gosto. É só clicar!

Cadastre-se e curta!

Por hoje é só!

Um Excelente viver pra você!!

Marcus e Mel

MVE Produções

P.S.:

Gostou?

Compartilhe este artigo com seus amigos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *